• Prêmio de boias práticas 2017
  • Banner Recadastramento do Servidor

Notícias

07/08/2015 11:00

Gênero: Secretaria de Políticas para as Mulheres capacita policiais

Proteger as mulheres contra a violência doméstica e familiar. Esse é o principal objetivo da Lei Maria da Penha, que hoje (07) completa nove anos que foi aprovada. Como marco, a Secretaria de Políticas para as Mulheres do Estado da Bahia (SPM-BA) irá realizar uma capacitação para cerca de 100 policiais baianos, que atuam na Operação Ronda Maria da Penha, em bases comunitárias, além de policiais civis e peritos.

O curso, com carga horária de 60 horas, terá início no próximo dia 10, e será aplicado inicialmente com agentes de Salvador, e posteriormente, ampliado para as cidades baianas que já contam com a Operação Ronda Maria da Penha, Serrinha e Feira de Santana.

A principal finalidade do curso é aprimorar o trabalho realizado pelos policias, discutindo a problemática social determinante da violência contra as mulheres em nossa sociedade, para que os mesmos se apropriem de conteúdos e de uma prática que permita contribuir com a redução da violência de gênero.

Noções de gênero e de raça, relações interpessoais, noções policiais para o trato com vítimas de violência serão alguns dos temas abordados na capacitação, que também contará com duas visitas técnicas à rede de atenção à mulher vítima de violência.

A rede

A Secretária de Políticas para as Mulheres da Bahia, Olívia Santana, destaca o avanço da Bahia na estruturação da rede de atenção à mulher vítima de violência: “O avanço no Estado é visível. Atualmente contamos com 24 Centros de Atendimento à Mulher, 15 Delegacias Especializadas de Atendimento à Mulher, 05 Varas Especializadas de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher e a Operação Ronda Maria da Penha, que já está atuando em três cidades da Bahia”.

A gestora também ressaltou a necessidade da continuação do trabalho, mas lembrou que é importante reconhecer que as mulheres estão mais fortalecidas, devido aos avanços conquistados no conjunto da rede de atenção, o que vem empoderando e fortalecendo a voz dessas mulheres.

Ascom SPM-BA

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.