Notícias

07/01/2019 17:20

Acusado de matar mulher e enterrar nas dunas de Itapuã vai responder por feminicídio

Acusado de matar e enterrar Dara dos Santos Cavalcante nas dunas de Itapuã, em Salvador, Fernando Gabriel de Souza dos Santos irá responder por feminicídio. Segundo a Secretaria da Segurança Pública (SSP-BA), ele teve a prisão temporária cumprida, na quinta-feira (3), quando se apresentou na companhia de um advogado no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

A coordenadora da 1ª DH / Atlântico, delegada Marta Karine, e o delegado Alexandre Narita, detalharam o caso durante uma coletiva de imprensa, realizada na manhã da sexta-feira (4), no auditório da Polícia Civil, na Pituba. A delegada explicou que o acusado afirmou que não tinha intenção de cometer o crime e alega que estava sobre efeito de drogas.

Ainda de acordo com Fernando, em depoimento, quando ele encontrou Dara a abraçou e foram andando próximo às dunas. Em seguida houve uma luta corporal, ele apertou o pescoço da vítima e a deixou desacordada. A atendente de farmácia pode ter sido enterrada ainda viva.

O delegado Alexandre Narita explicou que Fernando Gabriel tem histórico criminal e responde a dois processos por crimes contra o patrimônio. Ele ficou preso por três anos e estava em liberdade há um ano. O corpo de Dara foi encontrado enterrado nas dunas do bairro de Itapuã na segunda-feira (30).

Fonte: BNews
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.