• Prêmio de boias práticas 2017
  • Banner Recadastramento do Servidor

Notícias

03/05/2017 17:20

CRAM de São Francisco do Conde recebe carro para ações de combate à violência contra as mulheres

Uma solenidade na Câmara Municipal de São Francisco do Conde, na Região Metropolitana de Salvador, marcou hoje (03) a entrega de um veículo para o Centro de Referência em Atendimento à Mulher em Situação de Violência (CRAM) Maria Felipa. O carro é destinado às ações de combate à violência no município de quase 40 mil habitantes, com maioria da população negra. O ato contou com a participação da titular da SPM-BA, Julieta Palmeira, do prefeito Evandro Almeida (PP) e de outras autoridades municipais.

Durante a solenidade, Julieta Palmeira destacou que a entrega do carro é mais uma ação para o fortalecimento da rede de atenção no enfrentamento à violência contra as mulheres no município, que desde 2013 já dispõe de um Núcleo de Atendimento à Mulher - NUDEAM dentro da Delegacia da Polícia Civil. “Esse carro não é qualquer carro, mas um veículo que deve ser usado nessa ação específica. A violência contra as mulheres é um problema de saúde pública porque afeta a qualidade de vida da mulher e mais do que isso, tira a vida das mulheres”, disse.

O CRAM Maria Felipa, inaugurado em outubro do ano passado, é o único da Bahia montado com recursos apenas do Governo do Estado por meio do Fundo Estadual de Combate e Erradicação à Pobreza – FUNCEP. Foram investidos 160 mil reais na compra de equipamentos para o centro que dispõe de 04 salas de atendimento, 01 sala de reunião, 01 brinquedoteca, além de copa e banheiros. Coube ao Estado também capacitar a equipe formada por 01 pedagoga, 02 assistentes sociais, 01 advogada, 01 psicóloga e 01 coordenadora.

RESPEITA AS MINA

A titular da SPM-BA apresentou à plateia, que lotou o auditório da Câmara, a Campanha “Respeita as Mina” e chamou a atenção para a importância do combate ao machismo. “O amor não mata, mas o machismo sim”, disse referindo-se ao feminicídio. Para a diretora municipal da Igualdade, Alvacélia Medeiros, a parceria entre governos e sociedade é fundamental para o combate à violência e ao machismo, destacando o trabalho da equipe do CRAM Maria Felipa. “Aqui sempre se busca parceria para enfrentar a violência. A mulher é acolhida e sai de lá na certeza de que vai ser atendida”, disse.

Na ocasião, a secretária Municipal de Saúde, Eleuzina Falcão, ressaltou a importância da participação dos homens no combate ao machismo. Por isso defendeu rodas de diálogo com chefes de família, pais e filhos. “Entendemos que estava na hora de falar com um outro ator, que às vezes é o responsável pela violência”.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.